DOENÇA DE ALZHEIMER

A doença de Alzheimer (mais conhecida como demência) é uma patologia degenerativa que afeta o cérebro e que ainda não tem cura. A doença é caracterizada pela formação de placas e emaranhados no cérebro que levam à morte das células cerebrais e à transmissão alterada de impulsos nervosos. Acredita-se que a condição afete cerca de 1.000.000 de pessoas no Brasil.

A Neurogym fornece tratamento e suporte para pessoas com doença de Alzheimer, independentemente do estágio de sua condição, a fim de maximizar a qualidade de vida e a independência pelo maior tempo possível. A fisioterapia tem o objetivo de manter o paciente ativo, melhorar a mobilidade, reduzir o risco de quedas e ainda melhorar a memória recente* (Os pesquisadores acreditam que o pico de atividade pós-exercício pode funcionar como um tipo de exercício para o cérebro que, com o tempo, pode aumentar a eficiência neural e retardar o declínio cognitivo associado ao envelhecimento. Link do Estudo aqui). 

O nosso tratamento de fisioterapia neurológica específico para as necessidades do indivíduo . Nossos fisioterapeutas especializados entendem como o Alzheimer afeta um indivíduo e aqueles próximos a ele. 

A fisioterapia é muito importante no tratamento da doença de Alzheimer. Pessoas com doença de Alzheimer geralmente têm problemas de mobilidade e muitas vezes estão em alto risco de quedas . A Neurogym Fisioterapia Funcional visa aumentar a mobilidade e aumentar a independência e a segurança do paciente. Como resultado, os pacientes com doença de Alzheimer serão capazes de lidar melhor do dia-a-dia e manter sua independência.

A independência é aumentada com exercícios de equilíbrio, alongamento e fortalecimento.

A Fisioterapia pode incluir:

  • Exercícios para melhorar ou manter a força muscular

  • Exercícios para manter a amplitude de movimento

  • Exercícios de equilíbrio para evitar risco de quedas

  • Conselhos para familiares e cuidadores sobre formas de lidar com segurança com a pessoa

Os benefícios da Fisioterapia incluem:

  • Melhor Força muscular

  • Melhor amplitude de movimento

  • Melhor mobilidade

  • Risco reduzido de quedas

  • Maior confiança e qualidade de vida

  • Estresse da família reduzida

  • Manutenção da independência pelo maior tempo possível

 

Nossos fisioterapeutas avaliarão como um indivíduo realiza atividades como; andar, subir e descer, sentar e levantar de uma cadeira...

.

Os pacientes com doença de Parkinson muitas vezes gostam de fisioterapia, pois aumenta sua independência e reduz o medo de cair .

  • Veja nosso Facebook
  • Veja nosso Twitter
  • Veja nosso Instagram